Parem com a Waterboarding financeiro/fiscal da Itália, Espanha e Portugal já!

DiEM25 Team

, Artigos

MENSAGEM DO DIEM25 PARA BERLIM E FRANKFURT
Os bancos italianos estão em queda livre, porque a zona euro criou uma alegada união bancária a fim de violar na prática o próprio princípio de união. Monte dei Paschi di Siena (MPS), o banco mais antigo da Europa, é o único claramente sob stress. Mas não é o único. A maioria dos bancos italianos estão à beira do colapso. Berlim, Bruxelas e Frankfurt insistem que o MPS seja ‘socorrido’ de acordo com as regras recentemente acordadas, mas não o diriam se fosse um banco alemão ou holandês. Os factos são agora brutais: Como resultado da prática dos bancos italianos em venderem dívida não garantida a clientes mal informados, um bail-in (resgate suportado pelos depositantes), irá levar a que as classes média e mais baixa, assim como a classe trabalhadora, percam as suas poupanças.

  • O DiEM25 diz que o primeiro-ministro Renzi está certo em querer violar a regra do bail-in para parar este processo.
  • O DiEM25 exige que a Comissão Europeia e o Banco Central Europeu PAREM de forçar Roma a impor regras que apenas refletem a sua incapacidade para organizar uma união bancária adequada (e que Berlim não toleraria se as vítimas fossem cidadãos da República Federal).

Ao mesmo tempo, Bruxelas ameaça Espanha e Portugal com uma retirada, ou suspensão, do financiamento estrutural porque os respectivos orçamentos nacionais ultrapassaram outra marca inexequível e macro-económicamente insensata.

  • O DiEM25 exige que a Comissão Europeia cesse e desista de todas as ameaças de punir os governos espanhol e português com medidas punitivas. Estas medidas só vão aprofundar as crises económicas espanhola e portuguesa e dirigir mais europeus para o campo anti-europeu.

No aniversário do referendo grego OXI, e alguns dias depois do referendo no Reino Unido, os europeus são lembrados que o autoritarismo de Bruxelas, Frankfurt e Berlim são os principais solventes da União Europeia.
A União Europeia será democratizada e as suas políticas económicas serão humanizadas. Caso contrário, desintegrar-se-á.

 

DiEM25

 

Do you want to be informed of DiEM25's actions? Sign up here.