Martin Schulz

E assim os “Estados Unidos da Europa” não parecem assim tão utópicos.

A estratégia política de Martin Schultz, nos últimos meses, parece ter sido bem-sucedida. De um desempenho de baixo nível, ele ganhou um novo ímpeto nos progressistas, em toda a Europa. No seu discurso, sublinhou a sua visão de uma Europa unida. Interessante, o seu timing parece muito familiar: 2025.
Não temos a certeza se Schulz leu as nossas propostas de um New Deal europeu, ou se ouviu os nossos apelos para a ação. Mas, foi para nós uma surpresa positiva tomar conhecimento, que o segundo mais forte partido na Alemanha  se encontra sintonizado com a nossa visão. Contudo, como  Yanis Varoufakis sublinhou recentemente ,“a  repentina explosão de europeísmo de Schulz é uma manobra tática para levar o SPD a uma nova e árida coligação com Angela Merkel – cuja primeira iniciativa será matar todas as aspirações de um federalismo Europeu.”.
Temos de ser precisos: Não é qualquer tipo de velhos Estados Unidos da Europa que irão funcionar. As suas fundações têm de ser firmes e progressivas: centradas nas pessoas e não no establishment. Juntamente com a nossa campanha pela transparência, o apelo para reformas necessárias do Parlamento Europeu e para uma reconstrução vital do Euro Grupo, tem de continuar e ser ouvido. O fator mais crucial é o nome do nosso movimento : Democracia. Acreditámos que as nossas propostas políticas poderão assegurar isto mesmo, e gostaríamos de as ver finalmente implementadas. Junta-te a nós, fala connosco e vamos agir juntos!
 
Aris é membro e voluntário do movimento DiEM25.

 

Do you want to be informed of DiEM25's actions? Sign up here