Yanis Varoufakis, Jeremy Corbyn e Ece Temelkuran apresentaram a Declaração de Atenas

A Guerra na Ucrânia apela ao apoio às vítimas da guerra e a um novo Movimento Não-Alinhado

DECLARAÇÃO DO ATENAS, 13 de Maio de 2022

  • Estamos com o povo da Ucrânia, tal como estamos com todas as pessoas que sofrem invasões, deslocações e ocupações.
  • Exigimos um cessar-fogo imediato, a retirada das forças russas e um tratado de paz abrangente garantido pela União Europeia, os Estados Unidos e a Rússia no contexto das Nações Unidas.
  • Exigimos o respeito pelo Direito Internacional e por todos os refugiados, que devem ter os seus direitos protegidos e terem acesso a um lugar seguro, independentemente da sua etnia, religião, etc.
  • Opomo-nos à divisão do mundo em blocos concorrentes que investem no militarismo desenfreado, em armas hiper-modernas de destruição maciça e numa Nova Guerra Fria.
  • Acreditamos que uma paz duradoura só pode ser alcançada através da substituição de todos os blocos militares por um quadro de segurança internacional inclusivo que desanime as tensões, amplie as liberdades, lute contra a pobreza, limite a exploração, prossiga a justiça social e ambiental e ponha fim ao domínio de um país por outro.

Com estas ideias em mente, apelamos aos democratas de todo o mundo a unir forças num novo Movimento Não-Alinhado. Neste contexto, vemos as nações não-alinhadas, democráticas e soberanas a trabalhar em conjunto por um caminho para uma paz duradoura e um mundo que possa evitar a catástrofe climática e legar à próxima geração uma oportunidade decente de criar as condições para uma prosperidade globalmente partilhada.

 

Jeremy Corbyn, Ece Temelkuran & Yanis Varoufakis, em nome de

Progressive International, DiEM25, MeRA25

 

 

Do you want to be informed of DiEM25's actions? Sign up here